Serviços

Síndico Profissional

A administração de um condomínio atualmente se equipara a de uma empresa. São muitos os cuidados que devem ser tomados para que a gestão corra dentro da lei, sem sobressaltos e sem muita dor de cabeça. O conhecimento do código civil, das leis trabalhistas, além de interesse nas áreas contábil, administrativa e do direito são importantes para um bom exercício do cargo de síndico. Há também vários outros tipos de habilidades que ajudam a ser um bom síndico: saber ouvir as reclamações dos condôminos, ser político, humilde, bom comunicador. E, principalmente, ser um bom líder.

Para desenvolver o papel de síndico é bom ter conhecimento sobre legislação civil e trabalhista, além de noções de contabilidade e administração. Suas funções, de acordo com o artigo 1348 do Código Civil, são:

  • Representar legalmente o condomínio;
  • Manter-se responsável por toda documentação do condomínio;
  • Convocar assembleias;
  • Estar atento e fazer cumprir as determinações da ASSEMBLEIA;
  • Realizar a cobrança dos condôminos;
  • Zelar pela conservação de áreas comuns;
  • Contratar empresas para prestação de serviços;
  • Coordenar os funcionários do condomínio;
  • Elaborar o orçamento da receita e da despesa a cada ano;
  • Prestar contas à assembleia anualmente ou sempre quando for exigido;
  • Realizar o seguro do prédio.

Importante destacar que o síndico, além das atribuições fixadas em lei, tem também o “poder de mediação” de conflitos entre os condôminos. Nesse sentido, o síndico deve: eliminar mal-entendidos entre moradores; reprimir com ponderação aquele que infringe as regras convencionais; estimular o convívio harmônico entre condôminos e a participação efetiva deles nas deliberações relativas ao condomínio.

Abrir chat
Powered by